domingo, 17 de julho de 2016

Arquivo para download: O misticismo de Henri Bergson, por Marcilene Aparecida Severino

A grande função do místico é contagiar os demais pelo seu agir moral. São eles os exemplos que a humanidade necessita para basear suas ações. Não se trata de um agir guiado pela razão como propôs Kant, mas um agir guiado pela emoção. Ao propor um modelo de ação moral, Bergson se opõe totalmente a Kant. De acordo com esse último filósofo, o exemplo jamais poderá ser o que nos dê o conceito de moralidade. Mas para Bergson, o agir moral dos grandes místicos pode e deve servir de exemplo. Os místicos possuem uma emoção criadora e por isso são geradores de novas idéias, aceitam novos desafios e nos chamam a atenção pela dedicação e amor à causa por eles defendida. Eles não ordenam, apenas convidam. Este convite se dá de forma a chamar nossa atenção por nosso estado de comodismo e descomprometimento perante as desmazelas do mundo. Mas este convite não se dá de forma uniforme. Todos os seres humanos podem ser impulsionados a ser exemplos porque todos nós possuímos essa emoção criadora. Porém somente em alguns que ela se manifesta plenamente.

Download

Nenhum comentário: